28 fevereiro 2022 2558

Como Ganhar Dinheiro no OnlyFans com Fotos de Outras Pessoas + Quanto as Modelos Ganham no OnlyFans

As redes sociais e os recursos da Internet completaram nossas vidas: os usuários assistem vídeos no YouTube, conversam em mensagens instantâneas em redes sociais, vendem e compram em lojas online. Parece que é impossível inventar algo novo. Mas não — um usuário empreendedor criou um modelo exclusivo de monetização de conteúdo — OnlyFans. O artigo é sobre o funcionamento do serviço e como qualquer pessoa pode começar a ganhar do zero.


História do OnlyFans

De acordo com a Wikipedia, OnlyFans é um "serviço de assinatura de conteúdo". Assim é: todo o esquema do sistema é baseado na interação dos modelos e seus fãs. Os primeiros criam conteúdo de alta qualidade em vários formatos (mais sobre isso depois), enquanto os segundos pagam para ter acesso à ele. Em geral, isso está correto e, de acordo com muitos especialistas em digital e criação de conteúdo, esse formato continuará sendo quase a única alternativa no futuro.

A ideia de criar OnlyFans veio à mente de um jovem britânico Timothy Stockley em 2016, ao mesmo tempo em que foi implementado. Naquela época, o perfil principal da "rede social" ainda não estava definido, e ela se posicionava como uma rede social para performers — autores de conteúdo. Eles postavam fotos e vídeos em seu perfil e os usuários tinham acesso ao feed da modelo por uma taxa mensal.

Em 2018, o proprietário do conhecido projeto de webcam Leonid Radvinsky (proprietário do MyFreeCams) adquiriu a maior parte das ações do serviço. A partir desse momento, OnlyFans começou a se desenvolver rapidamente, e não é difícil adivinhar em que direção. O site evoluiu rapidamente de um serviço de assinatura de conteúdo para um novo formato de webcam. Em questão de meses, centenas de atrizes pornôs se inscreveram aqui, seguidas por fãs de filmes adultos. Por alguns dólares, eles receberam fotos e vídeos exclusivos de garotas desejadas por milhões.

Apesar do fato de OnlyFans usar frases e alusões provocativas e francamente adultas em suas campanhas publicitárias, o recurso não é totalmente 18+.

Milhares de outros especialistas trabalham aqui, como:

  • Fitness trainers;
  • Psicólogos;
  • Músicos;
  • Dançarinos;
  • Cozinheiros;
  • Fotógrafos e muitos outros.

Como mostram as estatísticas, o crescimento começou precisamente após a chegada de Radvinsky. Não há dúvida de que o site ganhou popularidade devido ao conteúdo adulto.


Opções de Ganhos

Os criadores de conteúdo do OnlyFans são principalmente meninas. Elas publicam fotos de seus belos corpos e suas partes íntimas. O público (principalmente homens da Europa e América) está disposto a pagar por cada foto. Os tipos de conteúdo e sua monetização de monetização são suficientes:

  • Assinatura mensal do perfil;

  • Transmissões exclusivas, stories;

  • Peça venda de materiais;
  • Comunicação pessoal (de natureza muito diferente) com o fã.

Existem dezenas de opções para monetizar "fãs": stories pagas, assinaturas de perfis, conversas privadas e chats de vídeo. Além disso, a plataforma criou uma variedade incrível de sistema de descontos — links de referência, compras em massa, assinaturas semestrais, etc.

Um usuário pode gastar até vários milhares de dólares por mês no serviço. Em média, um usuário ávido doa cerca de US$ 100. Ao mesmo tempo, uma assinatura de apenas um modelo pode custar de US$ 5 a US$ 5 000 (não há limite). Uma postagem paga (se a conta for gratuita, mas essa é uma grande raridade) pode custar US$ 3.


Quanto Ganham os Modelos

De acordo com relatórios e entrevistas com os proprietários do OnlyFans, o serviço bate recordes de crescimento de tráfego à cada dia. Cerca de 200 mil novos usuários vêm aqui todos os dias, e cerca de 10 mil passam pelo processo de registro. Um monte de garotas correm aqui também, por ter ouvido histórias sobre montanhas de ouro e a oportunidade mais fácil de ganhar dinheiro. Vamos ver se é esse o caso.

Monica Huldt— é uma das modelos mais populares no OnlyFans. Ela tem um exército impressionante de seguidores, chegando à 200 mil dólares por ano, e isso são apenas assinaturas. Além do trabalho "principal", o Huld, como outras modelos, realiza tarefas exclusivas dos assinantes.

Outro seguidor, um criador de gado, doou US$ 250 para um pequeno cartão postal em vídeo que vai enviar aos clientes. Nele a modelo  diz: “Obrigado por ter nos escolhido”, ela está apenas usando um chapéu de cowboy.

Para o realização de uma tarefa, a atriz leva de US$ 100 à uma infinidade de dólares.

Outra modelo é a Belle Dolphine. Memes com ela podem ser encontrados em público e no Telegram. Mas, na verdade, não há motivo para rir— a garota careta ganha até US $ 1 milhão por mês e agora ainda mais.

Em dezembro de 2020, uma assinatura do perfil dela custava US$ 35. Hoje, o preço a subiu. A garota ficou famosa graças às suas travessuras e aparição em memes no Reddit, Twitter e redes sociais domésticas, além de transmissões no Twitch.

Apesar da devassidão, Belle ainda não atuou no pornô, embora esteja considerando essa opção. E, claro, ela quer ganhar dinheiro com isso: ela planeja vender a camisinha do vídeo por uma quantia fabulosa. Estúpido? Não, porque Dolphin estava vendendo a ÁGUA, na qual ela se banhava durante um stream.

Mas voltando à realidade. Nem todas as modelos estão nadando em milhões de dólares - a renda da maioria das meninas está na faixa de US $ 1 000 a US $ 5 000. Deve ser considerado o seguinte: a assinatura mínima é de 5 dólares. Por US $ 1 000, você precisa de 200 assinantes. Além disso, assinaturas e ferramentas adicionais podem gerar outros 50%.

É muito fácil monetizar um perfil, mas para isso deve haver pelo menos algumas redes sociais com tráfego. Vejamos no capítulo abaixo.


Aparência do Sistema

Já entendemos que os modelos aqui são principalmente garotas jovens e atraentes. É impossível aceder ao serviço sem passar pelo procedimento de registo. Também é possível através do Google e Twitter. Este último, como você sabe, é bastante leal ao conteúdo pornô em sua rede social. Isso será útil mais tarde ao procurar fontes de tráfego.

Não há conteúdo gratuito aqui da palavra "absolutamente". O único presente da administração é a possibilidade de escolher uma modelo e ter acesso ao perfil dela por um dia.

Na página principal, o próprio sistema oferece modelos (a aba “Ofertas” à direita). Mais uma vez, estamos convencidos da "idade adulta" de OnlyFans, com base nas propostas: 70% são meninas seminuas. Ao se inscrever em um deles, o usuário terá acesso a materiais mais explícitos.

Usou os serviços do OnlyFans como fã?
7 votos

A página principal também é um feed — como no Instagram ou Facebook. No entanto, até que uma pessoa compre uma assinatura de um modelo, apenas as postagens promocionais do sistema estarão no feed. E não se deve contar com material exclusivo ou quente — os vídeos são filmados sob a estrita orientação de psicólogos, e seu objetivo é fazer com que o espectador queira ver a modelo na íntegra. Uma observação interessante: as postagens do sistema parecem mais ou menos normais — elas promovem não apenas modelos eróticos, mas também usuários comuns.

No compartimento de notificações contém várias informações e é usada por visualizadores e modelos.

Para entender o dispositivo mais profundamente, vamos olhar para o serviço do outro lado - como um modelo.


Como Começar a Ganhar Dinheiro

No OnlyFans, não há divisão de perfis em "espectador" e "modelo" — qualquer um pode ser os dois ao mesmo tempo. Todas as informações sobre a conta estão no compartimento correspondente - a mais à direita.

No compartimento "Meu perfil", você pode alterar seu avatar, adicionar uma postagem ou editar seu perfil.

No compartimento de favoritos contém postagens que você salvou no arquivo (semelhante ao Instagram).  No compartimento Listas mostra as estatísticas do usuário. Você também pode criar uma nova lista com novos parâmetros de usuário (por exemplo, assinantes).

Nas configurações, você pode trabalhar no perfil — descrição e muito mais.

A seguir estão as opções de pagamento — vincular cartões (para um fã) e adicionar um banco (para um modelo). Para adicionar um banco, você precisa pelo menos criar um perfil — adicionar uma biografia e uma foto de cabeçalho. Um avatar não é necessário nesta fase, pois o fundo (com uma foto) fica na maioria das vezes no painel de sugestões de modelos.

Você pode usar seu perfil para publicar posts, mas é mais conveniente fazê-lo através do botão de adição no meio na parte superior da tela.


Trabalhando com Fotos de Outras Pessoas

Passemos às ações concretas. Para obter ajuda, vamos ao vídeo do bloger do YouTube do canal "Kharchevnikov". Como um bloger, vamos criar tudo do zero.

Para trabalhar, você precisará:

  • Criar um perfil;
  • Adicionar informações bancárias;
  • Encontre conteúdo;
  • Encontre fãs;
  • Pense no formato de monetização.

Vamos considerar cada estágio em ordem.

Criação de perfil. Primeiro você precisa decidir sobre o idioma. É ótimo trabalhar em inglês, pois praticamente elimina as fronteiras e abre o acesso ao público mais solvente. De nós — apenas um pequeno texto em língua estrangeira e a capacidade de manter uma conversa. Se houver problemas com o idioma, é melhor aprendê-lo o mais rápido possível, aprender o vocabulário básico, abreviações, frases temáticas.

 

Você pode se familiarizar com as principais abreviações, por exemplo, aqui.

O próximo passo é o projeto em si. Você precisará de uma foto de capa horizontal (como no Facebook) e um protetor de tela de avatar redondo. A capa deve ter uma foto de uma garota em alta qualidade e com elementos corporais atraentes — seios, quadris, um rosto bonito.

Seu nome de usuário e nome de exibição são as palavras-chave que você pode usar para ser encontrado no site. A primeira é a identificação. O segundo é mostrado no perfil (até 40 carácteres). Ambos podem ser alterados. Exatamente, eles devem corresponder ou o nome de exibição deve incluir o ID. O nome e o sobrenome não podem ser usados — ou complementamos o nome ou criamos um pseudônimo temático.

Bio — descrição do perfil (até 1 000 carácteres). Vamos falar de nós: "Meu nome é X, moro em Y. Gosto de melhorar meu corpo e minha beleza. No OnlyFans eu relaxo e converso com garotos fofos." Você pode escrever qualquer coisa, o principal é atrair o usuário, fazê-lo acreditar que é aqui que ele encontrará o que procura. Isso novamente nos traz de volta a pensar sobre o conteúdo — as fotos fofas de sempre, erotismo clássico, libertinagem suja, cosplay ou qualquer outra coisa. Por exemplo: o tamanho da bio é igual a este e aos dois parágrafos anteriores. Mas é melhor usar até 500-600 carácteres — poucas pessoas querem ler textos enormes.

Abaixo você pode adicionar seu próprio site (links de afiliados não funcionarão) e listagens na Amazon e Spotify.

Agora vamos decidir sobre a assinatura:

  • Se a modelo tem uma base de fãs (no Instagram, TikTok, Telegram, VK, Pornhub, etc.) que a conhece bem, você deve-se imediatamente criar uma conta fechada e configurar uma assinatura mensal paga;
  • Se não houver base de fãs, abriremos a conta e publicaremos o material gratuitamente, com algumas integrações pagas.

Escolheremos o segundo método e publicaremos conteúdo gratuito 3-4 vezes por semana.

A próxima pergunta é onde obter o conteúdo. Apenas tirar uma foto de uma figura sem rosto da pesquisa não funcionará — você precisa se destacar. Existem várias opções:

  • Grupos no VK. Existem comunidades temáticas suficientes com pacotes de fotos de meninas;
  • Canais TG — da mesma forma;
  • Instagram — perfis de garotas sensuais com muitas fotos.

Você pode encontrar muitas fotos de maneiras gratuitas, mas mais cedo ou mais tarde elas acabarão. Portanto, seria melhor encontrar uma modelo— uma garota que esteja pronta para fornecer suas fotos e vídeos para o portal. É melhor avisá-la sobre isso com antecedência e obter o consentimento, para que mais tarde não ocorram situações desagradáveis ​​em relação ao conteúdo de direitos autorais, etc.

A prática mostra que contratar modelos para OnlyFans é tão comum quanto contratar tiktokers para o aplicativo de mesmo nome.

Prós de ter uma modelo "própria":

  • Sempre há novos conteúdos e conexões;
  • O material parece credível e de boa qualidade.

Além disso, muitas vezes você pode conhecer garotas que até querem um especialista para gerenciar sua conta no OnlyFans. Nesse caso, você não precisará de nenhum de seus próprios investimentos. No caso de contratar uma modelo, você terá que gastar dinheiro em:

  • Salário ($400-$2 000);
  • Promoção.

Há também a opção de comprar uma foto de uma garota “para publicação na Internet” sem especificar o local. Vai custar menos, mas existe o risco de que depois de algum tempo a modelo deixe de cooperar por um motivo ou outro.

Conclusão: a maneira mais lucrativa e segura de trabalhar com fotos de outras pessoas no OnlyFans é encontrar uma modelo, fazer uma oferta de cooperação e pagar por seus serviços com uma porcentagem de todos os lucros. Da garota, apenas os materiais são necessários— o resto é nosso.

OnlyFans exige dados de passaporte de seus modelos, sem eles é proibido usar o site (como criador de conteúdo).

Novamente, se você encontrar um "funcionário" de acordo com o esquema acima, não deve haver problemas com a obtenção de documentos com foto — se a garota estiver pronta para compartilhar seus nudes, ela não terá medo de enviar seu passaporte para verificação  à administração.

Após o procedimento completo, é hora de pensar no conteúdo:

  • Fazer um post de boas-vindas (eles já precisam interessar o espectador): sem nudez, apenas sedução. Uma garota seminua, cobrindo a figura com as mãos, etc.;
  • No segundo dia, publicamos outra foto (ou melhor, um pequeno vídeo), na descrição do post falamos um pouco sobre nós: o quanto gostamos das regras locais, você pode postar fotos que o Instagram já teria banido há muito tempo. Configuramos o usuário para que o máximo de hot content apareça aqui em breve;
  • Durante esta semana, mais 2 posts em dias alternados. Trazemos os fãs para a compra sem problemas — fotos mais espontâneas, melhor material, maior abertura. Não se esqueça de se comunicar com os primeiros seguidores — responda aos comentários, às vezes até no direct.

A base está pronta — você pode iniciar a promoção e atrair assinantes. Lembrando que  de momento todo conteúdo é gratuito. As principais fontes são Twitter e Reddit. O trabalho é feito de acordo com o público burguês, então há tráfego suficiente por aqui. As redes sociais são tranquilas com conteúdo explícito. Criamos vários posts com as fotos mais atraentes e sedutoras, certifique-se de que temos um perfil no

OnlyFans e mais conteúdo de morango conosco só pode ser encontrado lá. Promoção nas redes sociais:

  • Postagens frequentes (1-2 por dia);
  • Cada post é fornecido com tags temáticas (OnlyFans, HotGirl, Wannadate, etc.). Quanto mais tags diferentes forem usadas, mais alcance teremos;

  • Interação com os usuários: respondemos  comentários e tweets, retweetamos postagens do público-alvo, como as postagens de outras pessoas.

Além de fotos atraentes, você deve usar storytelling - crie histórias interessantes relacionadas ao modelo e seu trabalho, vida pessoal etc.

Que funil o youtuber criou:

  • Criamos vários posts promocionais no Reddit — para (o upvote) do usuário, enviaremos uma foto exclusiva;

  • A massa daqueles que desejam se reune dentro de algumas horas;

  • Respondemos à cada um pessoalmente — enviamos os nudes desejados e promovemos nativamente nosso perfil no OnlyFans: "Aqui (link) você encontra ainda mais conteúdo gratuito." O usuário fica feliz que o conteúdo seja gratuito — é esse fator que é o gatilho para ele;
  • Vamos acrescentar que por um like e uma assinatura, ele receberá outro exclusivo;
  •  Assim, coletamos a primeira base.

Depois disso, é uma questão de tecnologia — nos comunicamos ativamente com os "recrutas", de todas as maneiras possíveis, envolvemos e aquecemos seu interesse. Por fim, você pode começar a monetizar:

  • Publicamos um post pago uma ou duas vezes por semana — antes disso, é aconselhável fazer uma campanha promocional: algo como preparar as fotos mais suculentas e espontâneas;
  • Enviamos através de diálogos existentes e novos informações sobre a venda de um pacote inteiro de material quente (você pode fazer isso já no dia em que o seguidor pede um exclusivo para curtida e assinatura, que mencionamos no Reddit).

Não há dúvida de que o material será comprado — $ 3-10 para um europeu ou americano não é dinheiro. O que posso dizer, se muitas empresas nos EUA estão dispostas a pagar aos entrevistados alguns dólares para participar de uma pesquisa.

O que mais prestar atenção:

  • Compre um premium imediatamente — o fato de estarmos na região da CEI não afetará as recomendações e seu perfil será mostrado para o mundo inteiro;
  • Publicidade — deve ser comprado de fontes baratas — TikTok, perfis temáticos do Instagram. Mas é necessário a partir das bases de seguidores da língua inglesa;
  • O conteúdo — da mais alta qualidade e atraente. Usamos uma boa câmera (ou pelo menos um iPhone), um microfone;
  • A imagem da modelo — sua aparência, comportamento, suas próprias fichas (como o ahegao da Belle Dolphin).

Essas etapas relativamente simples ajudarão você a aumentar seu próprio perfil OnlyFans em questão de meses. Neste caso, você já pode ganhar na primeira semana. Dependendo do número de assinantes e da disposição deles, engajamento, renda irá variar. Quanto mais, você ganhará mais. E depende apenas de sua engenhosidade, habilidades de comunicação e construção de um plano de conteúdo competente.

Se considerarmos que a conversão de assinante para comprador é de 10% (e na verdade é muito mais) e tomarmos o valor mínimo de $ 3 para a compra de um post, 10 fãs lhe trarão $ 30 por dia, isso requer 1 000 assinantes. Na pior das hipóteses, se a conta não for constantemente desenvolvida, ela renderá US$ 1 000 por mês. O serviço leva apenas 20% da renda do perfil. Metade da modelo — e 400 dólares para você pessoalmente. E isso é apenas no pior caso.

‎Depois de obter uma base estável de compradores, você pode transferir facilmente os assinantes para conteúdo totalmente pago — feche sua conta e dê acesso apenas com uma assinatura paga. Se você está com medo e teme o fracasso da ideia, faremos isso sem problemas: começaremos a publicar mais conteúdo pago em uma conta gratuita. Mas isso também pode causar ressentimento, então seria melhor publicar 20-30% menos conteúdo gratuito e, em troca, aumentar as postagens pagas no mesmo valor. Caso contrário, os usuários sentirão falta de conteúdo gratuito ou excesso de conteúdo pago — ambas as ações afetarão negativamente o público. Ao mesmo tempo, ninguém cancelou as vendas privadas de fotos, vídeos e pacotes individuais, comunicação direta— eles sempre trarão lucro regularmente.


Conclusão

Em 2020, o site relatou quase um milhão de produtores de conteúdo, mais da metade na categoria 18+. Sem dúvida, o número só vai crescer. No entanto, a concorrência não é um problema. O principal é a presença de seguidores em outras redes sociais. Afinal, se você os convidar para ir à plataforma e ver "seus" encantos, eles virão até você e, antes de tudo, comprarão uma assinatura na tua página.

Gostaria de ganhar no OnlyFans?
5 votos

 

O que acha do artigo?